Header Ads

Com estoque baixo, Hemocentro faz apelo por doações de sangue

.


A direção do Hemocentro da Paraíba tem se mostrado preocupado, devido à baixa no estoque de sangue. Apesar de oferecer a coleta de sangue a domicílio, as doações caíram durante o período de pandemia.

Toda doação que chega é levada diretamente para os hospitais e as bolsas não são suficientes para gerar estoque. De acordo com a diretora do Hemocentro, Shirlene Gadelha, em março as doações caíram 70% durante a pandemia e agora o estoque está zerado.

"Não temos esse estoque para suprir a necessidade dos hospitais. Eu queria fazer o apelo que as empresas, que os condomínios, possam entrar em contato aqui com o Hemocentro para que possam fazer a doação", comentou Shirlene Gadelha, diretora do Hemocentro.

A diretora reforça que o Hemocentro tem seguido todos os protocolos de segurança, inclusive nas coletas a domicílio e acrescenta que quem for ao local para doar sangue sem agendamento também será atendido e poderá fazer a doação.

"Nesse momento é importante que existam as caravanas, os grupos de igreja podem se juntar, nós iremos também. É necessário realmente, não temos o sangue. O sangue é doado, não tem outra forma de fazer essa reposição se o doador não fizer a doação de sangue", disse Shirlene.

O doador precisa estar bem alimentado, saudável, ter dormido bem na noite anterior, pesar acima de 50 kg e não ter ingerido bebida alcoólica nas últimas 24 horas. Demais critérios são avaliados em uma triagem clínica que antecede a doação.

O Hemocentro oferece o número WhatsApp 3133-3473 para agendamentos de doação. Moradores de prédios, condomínios, empresas e outros grupos também podem agendar uma coleta a domicílio.
 

Nenhum comentário