Header Ads

Câmara de Campina Grande presta homenagem à educadora Marli Castelo Branco



A Câmara Municipal de Campina Grande prestou homenagem, na manhã desta terça-feira (26), no plenário da Casa de Félix Araújo, à educadora Marli Castelo Branco. Natural de Soledade, na Paraíba, ela recebeu o título de cidadã campinense pelos longos anos de serviço prestado à cidade na área da educação e em defesa aos direitos das mulheres. A homenagem partiu da presidente Ivonete Ludgério (PSD).

A sessão solene para entrega do título iniciou com o discurso da autora da propositura. “São pessoas como você que a nossa cidade precisa. Pessoas que pelo exemplo e pela prática, constroem uma jornada digna a ser seguida por todos nós, e para as mulheres que juntas podemos tornar nossas vidas muito mais humana”, disse a presidente Ivonete Ludgério depois de fazer um breve resumo sobre a vida da homenageada.

Maria Marli reside até hoje na Fazenda Alvorada, no bairro do Serrotão. Foi naquela localidade que ela doou um terreno para que fosse construída a escola de Ensino Fundamental e Médio Irmã Joaquina Sampaio, onde também está a famosa “Pracinha do Amor”. A ideia surgiu da preocupação com a situação sócio educacional daquela área, já que não existia nenhuma escola para os jovens carentes da região. E foi exatamente lá que Marli permaneceu exercendo cargo de professora, assistente social e diretora adjunta por 25 anos.

A homenageada também é considerada uma voz forte na luta contra a violência contra as mulheres. Marli é presidente do Conselho da Mulher e é coordenadora de políticas públicas para mulheres através do CEPPM na atual gestão municipal. Também é membro do Instituto Brasileiro da Família (IBDFAN) e defensora da guarda compartilhada, tendo publicado trabalhos sobre o assunto.

A sessão contou com a participação de grande número de familiares e amigos, que praticamente lotaram o auditório da Câmara campinense. A cantora Gitana Pimentel e o sanfoneiro Roninho do Acordeon emocionaram a todos cantando o Hino Nacional, a canção “Maria, Maria”, de Milton Nascimento, e outras. Mas as maiores emoções ficaram por conta das declarações de amor dos familiares e amigos de Marli Castelo Branco.

Nenhum comentário