Header Ads

CMCG

Sub-comandante fala sobre as ações da Rotam de Campina Grande

O sub-comandante das Rondas Ostensivas Táticas com Apoio de Motocicletas (Rotam), da Polícia Militar em Campina Grande, o tenente Sousa Silva, falou, em entrevista concedida à Rádio Caturité FM, nesta sexta-feira, 13, sobre as ações implementadas na Rainha da Borborema.
Na entrevista, o tenente explicou que devido à agilidade na locomoção, a Rotam acaba por agir em situações de maior complexidade.
– A Rotam vem para somar ao trabalho do policial militar, pois, além de atuar no policiamento ostensivo, ela também atua de forma mais enérgica. É um tropa que tem uma mobilidade muito rápida, e nós abraçamos as ocorrências de maior complexidade- afirmou.
Ainda durante a entrevista, o sub-comandante explicou que a tropa da Rotam é composta por policiais militares voluntários.
– O maior pré-requisito para que o policial faça parte da nossa equipe é o voluntariado. O policial militar tem que entender que pra fazer parte da nossa equipe, tem que estar preparado para as piores situações. Existe um estágio de preparação, que dura em torno de um mês, para a prepara o policial- explicou.

Nenhum comentário