Header Ads

CMCG

Polícia decide apurar se pane elétrica que deixou CG sem água foi criminosa




Uma pane elétrica e nove cidades na região da Boborema ficam sem água. Diante dos levantamentos feitos até agora pela Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa), a Polícia Civil decidiu entrar no caso e apurar se foi criminoso o incêndio e a destruição na estação de tratamento de água Gravatá, que fica em Queimadas.
A polícia decidiu entrar no caso após Boletim de Ocorrência (B.O) prestado na segunda-feira (18), três dias após o ocorrido, por um servidor da Cagepa. De acordo com a delegada Diane Regina, responsável pela investigação do caso, uma equipe do Instituto de Polícia Científica (IPC) já esteve na estação na manha desta quarta para realizar uma perícia e não há indícios de uma ação criminosa.
Além do servidor que prestou o B.O., outros dois servidores também serão ouvidos, já que segundo a delegada, eles estavam na estação no momento do incêndio. O laudo deve ser emitido até o dia 29 deste mês.
A pane elétrica afetou o abastecimento de água em Campina Grande (e distritos), Queimadas, Barra de Santana, Caturité, Lagoa Seca, São Sebastião de Lagoa de Roça, Matinhas, Alagoa Nova e Pocinhos. A previsão é de que o abastecimento seja normalizado nesta sexta-feira (22).

Nenhum comentário