Header Ads

CMCG

Após pane elétrica, Campina Grande deve entrar em sistema de rodízio para abastecimento de água




A  Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) não descarta a possibilidade de adotar, já neste domingo, o sistema de rodízio para o abastecimento da cidade. A medida pode ser adotada devido a pane elétrica registrada na última sexta-feira (15).

De acordo com a Cagepa, o problema ocorreu na estação de tratamento Gravatá, em Queimadas (PB). O município de Campina Grande e mais oito cidades do Agreste paraibano ficaram sem o fornecimento de água após a pane.
Os técnicos trabalham na perspectiva de concluir a instalação de um transformador, já que quatro transformadores foram queimados, e com isso, abastecer 30% da cidade. O gerente da Cagepa, Ronaldo Menezes, disse que o rodízio deve priorizar as localidades que tenham hospitais, presídios, entre outros.
Ainda não há, segundo o gerente do órgão, uma posição concreta de quando volta a normalidade o abastecimento na sua totalidade, mas garantiu que já aguarda a chegada de mais dois transformadores para que se faça a instalação e o sistema volte a funcionar com carga total.
Estão sem o abastecimento de água as cidades de Alagoa Nova, Barra de Santana, Campina Grande (e distritos), Caturité, Lagoa Seca, Matinhas, Pocinhos, Queimadas e São Sebastião de Lagoa de Roça.

Qualquer contato com a empresa pode ser feito através do telefone gratuito 115.

Nenhum comentário