Header Ads

CMCG

Carlos Bolsonaro sugere que Julian pare de "aparecer" por trás de seu pai e assegura que ele não é coordenador de Bolsonaro no NE



Após movimentar as redes sociais no final da tarde desta quarta-feira (5) com postagem contra o deputado federal eleito Julian Lemos (PSL), Carlos Bolsonaro, filho do presidente eleito Jair Bolsonaro, repetiu o feito durante a noite. Em nova postagem em sua página no twitter, Carlos sugeriu que o deputado paraibano "pare de aparecer" por trás de seu pai nas imagens televisivas.

Na primeira publicação, Carlos Bolsonaro afirma que Julian é quem se coloca como coordenador do Nordeste, "mas ele não é nem nunca foi". Já na postagem feita hras depois, Carlos Bolsonaro dispara, na publicação endereçada ao deputado eleito, que "quem elegeu Bolsonaro foram pessoas de todos os segmentos" e continuou: "Bolsonaro age somente ajudando candidatos pelo Brasil", escreveu.
Para concluir, o filho do presidente eleito mandou o seguinte recado: "Sugerimos parar de aparecer atrás dele [Bolsonaro] por algum motivo como faz sempre". 
Julian Lemos recorreu ao instagram para rebater as postagens de Carlos Bolsonaro. Em seu texto, o parlamentar paraibano declara respeito a Bolsonaro e pede que Carlos "não ataque gratuitamente os soldados de seu pai".

Segundo Carlos, Julian é quem se coloca como coordenador do Nordeste, mas ele não é nem nunca foi. A justificativa, na postagem, conforme o próprio Carlos, 'todos sabem'.

Confira as postagens:


Nenhum comentário