Header Ads

CMCG

Após associarem seu nome a fugitivo do PB1, Tovar diz que vai tomar medidas judiciais


Após declarações do governador, Ricardo Coutinho e de insinuações feitas por alguns "jornalistas" em rádios e blogs, insinuando que o deputado estadual, Tovar Correia Lima teria ligações com o fugitivo do PB1, o parlamentar afirmou  que toda ação, requer uma reação e assegurou que vai tomar medidas judiciais contra seus acusadores.
“Toda ação corresponde a uma reação, o governador receberá sim, ele e alguns serviçais jornalistas, subservientes ao governo, receberão processos de nossa autoria, para que possam se explicar”, destacou Tovar.
O parlamentar acrescentou que o governador, Ricardo Coutinho foi desmoralizado enquanto estado e ficou com "cara de paisagem". "Ele faz isso. É um comportamento típico dele. Sempre que é atacado, tenta atacar ou culpar outrem. Alguém que estiver nos acompanhando, tem ciência que ontem o estado foi desmoralizado, alguém quer colocar culpa em alguém, senão o governo do estado?", questionou.
Tovar destacou ainda que mais de 100 presos conseguiram se evadir de um presídio de Segurança Máxima e o governador tergiversa para não explicar a falência da Segurança Pública do Estado. “Mais de 100 presos ontem, dentro de um presídio de segurança máxima no estado da Paraíba. Sabe o que o governador fez? Diz que quem coordenou foi um ex-assessor da Prefeitura de Campina Grande”, finalizou Tovar.

Nenhum comentário