Header Ads

CMCG

Ex-aliado de Jacó Maciel e presidente do MDB de Queimadas diz que ex-prefeito não tem princípios e “atira” para todo lado



O presidente do MDB de Queimadas, Deda de Dutra soltou o verbo pra cima do seu ex-aliado, Jacó Maciel. Para ele, o ex-prefeito de Queimadas não tem princípios e anda “atirando” para todos os lados e dispara: “Além de estar atirando pra tudo que é lado, anda iludindo as pessoas sobre sua candidatura porque ele está inelegível por ter sido condenado em vários processos no TCE e no TRE da Paraíba”.

Deda de Dutra disse ainda que o ex-prefeito de Queimadas perdeu toda a sua compostura e desabafou: “Como alguém passa décadas servindo a um senhor e de repente resolve servir a vários ao mesmo tempo? Ele está como cego em tiroteio, sem esquecer que esse é o tempo de lucrar às custas do povo de Queimadas. Jacó é a maior enganação da nossa região”.

Segundo o presidente do MDB de Queimadas, Deda de Dutra, Jacó Maciel se filiou a um partido aliado da base do governador, Ricardo Coutinho (PSB), o Avante, do deputado estadual, Genival Matias. Depois declarou apoio ao pré-candidato a governador, José Maranhão (MDB) e agora se alia ao deputado federal, Damião Feliciano (PDT) e ainda diz continuar apoiando o senador, Cássio Cunha Lima (PSDB).

Ainda segundo Deda de Dutra, o ex-prefeito de Queimadas, Jacó Maciel traiu a maioria dos seus aliados na cidade, inclusive, os que o apoiaram em sua segunda investida na tentativa de se reeleger prefeito, em 2016. “Ele sacaneou todos nós e agora atolado em dívidas contraídas na campanha está querendo sair do prejuízo às custas do povo de Queimadas, mentindo e se aliando a Deus e ao diabo”, disse Deda.

Deda acrescentou que após ser traído por seu ex-aliado, quando se candidatou a vereador, em 2016, decidiu se afastar de Jacó, mudou de partido e conseguiu a presidência do MDB na cidade. Segundo ele, quando o ex-prefeito de Queimadas, Jacó Maciel soube, fez de tudo para se aproximar de José Maranhão na tentativa de minar sua postulação como presidente do partido. “Além da traição, agora virou perseguição à minha pessoa, mas Queimadas e a Paraíba precisa acordar e vê quem realmente é esse rapaz”, finalizou.

2 comentários: