Header Ads

CMCG

CAOS: maioria dos postos da Paraíba zera estoque de combustível



O protesto liderado pelos caminhoneiros, mas que conseguiu adesão de outras categorias como taxistas e motoristas de aplicativos contra o aumento no preços dos combustíveis já deixa a maioria dos postos da Paraíba desabastecidos.
A manifestação já afeta grande parte dos postos de combustíveis em todo o estado. Na Capital paraibana, os manifestantes têm liberado apenas o abastecimento de geradores em hospitais. 
Empresas de ônibus da Região Metropolitana de João Pessoa reduziram a frota e afirmam que já não possuem quantidade de diesel para os próximos dias, caso não haja o reabastecimento até a próxima sexta-feira (25).
Na manhã desta quarta-feira (23), de acordo com a Sindipetro, cerca de 40% dos postos já estavam sem algum tipo de combustível em João Pessoa. Ainda não há previsão para que o reabastecimento seja feito.
PROTESTOS
Na tarde desta quarta-feira a Capital paraibana registrou vários pontos de manifestação. De acordo com informações da Semob-JP, o trânsito ficou bloqueado na Avenida Epitácio Pessoa; nas mediações do Viaduto do Cristo Redentor; na Avenida Hilton Solto Maior, no José Américo; na Avenida Flávio Ribeiro Coutinho, em Manaira; na Avenida Waldemar Galdino Nazeazeno, no Geisel e na ladeira do Valentina. Também foram bloquedas as rodovias BR-230 em Santa Rita, sentido Campina Grande e BR-101, no Costa e Silva.
O trânsito começou a ser liberado em alguns dos pontos citados no início da noite.
Contatos – Para acompanhar pelas redes sociais, em tempo real, as informações de trânsito de João Pessoa, basta seguir no Twitter o perfil @semobJP e para acionar o órgão municipal de transito por telefone: 0800-281-1518 / 3218-9330 / 9336.

PB Agora
Foto: Reprodução/Semob-JP

Nenhum comentário