VÍTIMA DA COVID-19: Romero lamenta a morte de José Reinaldo Camilo, líder maçônico da Paraíba, na noite desta quarta-feira

 


Prefeito destaca qualidades do grão-mestre, que estava internado desde o dia 23 deste mês em hospital de João Pessoa

O prefeito Romero Rodrigues, de Campina Grande, lamentou profundamente a morte, por volta das 22h desta quarta-feira, 30, do grão-Mestre José Reinaldo Camilo de Souza, líder da Grande Loja Maçônica do Estado da Paraíba. O líder maçônico faleceu no Hospital da Unimed de João Pessoa, vítima da Covid-19, após ser internado, desde o dia 23 de dezembro, quando testou positivo para doença.

Romero Rodrigues, que conheceu José Reinaldo há vários anos e com quem sempre manteve uma relação de mútuo respeito, destaca o alto nível de dedicação de José Reinaldo à causa maçônica, ao longo dos seus 72 anos de vida. Para Romero, mais do que uma liderança estadual de uma organização milenar, Reinaldo sempre pautou sua postura como cidadão exemplar e integrado às bandeiras legítimas da sociedade.

O grão-mestre adjunto da Grande Loja Maçônica do Estado da Paraíba, Ailton Elisiário de Sousa, decretou luto oficial de 21 dias e a automática suspensão dos trabalhos maçônicos por nove dias, com base nos princípios legais do Regulamento da organização.

Nenhum comentário