STTP realiza comando educativo alertando riscos para quem mistura bebida e direção nas festas de final de ano

 



A Prefeitura de Campina Grande, por meio da STTP, lançou nesta segunda-feira, 21, a campanha educativa de fim de ano reforçando o alerta sobre os riscos da combinação álcool e direção. “Bebeu? Seja passageiro” objetiva conscientizar que o risco é grande quando um condutor bebe e dirige. 


No final de ano sempre existe um aumento considerável no fluxo de veículos na cidade e, consequentemente, aumentam os riscos de acidentes de trânsito e muitos deles com mortes fatais. E como medida preventiva, para que seja reduzido esse número nas estatísticas de acidentes, equipes da divisão de educação de trânsito da STTP estão realizando vários comandos educativos de alerta.


Ao longo deste mês de dezembro, a programação da campanha busca chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortos e feridos no trânsito, realizando diversas ações de conscientização, através da distribuição de adesivos, folderes e panfletos.


O superintendente da STTP, Félix Neto, destaca que novamente o foco da campanha é alertar que dirigir após ingerir bebida alcoólica coloca em risco a vida não apenas do motorista, mas dos passageiros no veículo e das pessoas à sua volta. “Por isso é importante não dirigir após beber e nem permitir que pessoas próximas tenham esse tipo de conduta", disse.


As ações educativas continuarão até o final deste mês de dezembro e receberão o apoio do Sindicato dos Taxistas, de motoristas de aplicativos, além de agentes de trânsito, educadores e demais voluntários. Serão promovidas abordagens, com orientação aos condutores sobre a importância das práticas seguras para um trânsito mais humano, enfocando o consumo de bebidas alcoólicas, direção defensiva e noções básicas de legislação.


Infração: A multa por dirigir sob a influência de álcool ou de qualquer outra substância psicoativa ficou mais rigorosa e mais cara. O valor da multa, para quem for pego dirigindo alcoolizado, é de R$ 2.934,70, sendo considerada como infração gravíssima, somando ainda que o condutor perde o direito de dirigir por 12 meses. E, em caso de reincidência, é aplicado o dobro da multa.

Nenhum comentário