Header Ads

Sogro do deputado Wilson Filho, ex-deputado Aníbal Gomes é procurado pela Polícia Federal


Alvos de mandados de prisão no âmbito da operação Fiat Luz, desdobramento da Lava-Jato, o ex-ministro de Minas e Energia do governo Lula Silas Rondeau e o ex-deputado Anibal Gomes, sogro do deputado estadual Wilson Filho, são procurados pela Polícia Federal. Segundo informações, os foragidos devem se entregar à PF nas próximas horas.

De acordo com uma fonte na corporação, as defesas dos investigados negociam a apresentação de ambos em Brasília. Ao todo, a operação cumpre 17 mandados de busca e apreensão e 12 de prisão temporária nos estados do Rio de Janeiro e São Paulo, além do Distrito Federal, por ordem do juiz federal Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal do Rio de Janeiro, informa publicação do Correio Braziliense.

As investigações apontam fraudes em contratos e pagamentos de propina envolvendo a Eletronuclear. As diligências tem como base as delações de dois lobistas ligados ao MDB, Jorge Luz e Bruno Luz, que foram presos em 2017. Ao todo, 11,7 milhões teriam sido repassados a agentes públicos em forma de propina.

Pela manhã, equipes policiais foram até a casa de Silas Rondeau em Brasília e no Rio de Janeiro, mas ele não foi encontrado. Caso os alvos não se apresentem, podem ser declarados foragidos.



Correio Braziliense

Nenhum comentário