Header Ads

Energisa atende a vários pleitos do Stiupb para contemplar trabalhadores neste momento da pandemia

.


Em resposta ao ofício número 066/2020 enviado pelo Sindicato dos Urbanitários da Paraíba - Stiupb, a Energisa respondeu a uma série de questionamentos feitos pela entidade, notadamente neste momento tão complicado da Pandemia do Covid-19 para os trabalhadores da empresa.

Daniel Lacerda, Relações Trabalhistas e Sindicais da Energisa, comunicou ao presidente do Stiupb, Wilton Maia Velez, que a Energisa vem a todo instante, cuidadosamente avaliando os cenários na empresa, levando inclusive em consideração as sugestões apresentadas pelo sindicato e, sempre que necessário, adotando novas medidas preventivas frente à pandemia do Coronavírus.

No documento, a Energisa respondeu a cada um dos questionamentos contidos no Ofício 0066/2020, conforme tópicos abaixo:

1 – TREINAMENTOS

Para a realização dos treinamentos a ENERGISA passou a adotar os seguintes procedimentos:

• Apenas os treinamentos essenciais estão sendo realizados; Adicionalmente estamos priorizando o modelo a distância (EAD);

• As turmas são formadas com no máximo 10 colaboradores;

• Todo colaborador que participar dos treinamentos deve estar usando máscara;

• Todas as salas contêm álcool em gel;

• Os colaboradores devem respeitar a distância mínima de uma pessoa para a outra;

• Quando real izado em salas, as portas e janelas permanecem abertas;

• Os colaboradores podem acessar a plataforma EAD através da internet usando o l ink energisa.atenalms.com.br;

• Quando o treinamento é feito em local idade dist inta da que o colaborador trabalha, a estada em hotel está sendo real izada em acomodações individuais.

2 – AFERIÇÃO DA TEMPERATURA DOS COLABORADORES

Ao adentrar, na grande maioria, das instalações da empresa, antes de iniciar a jornada diária, os colaboradores passam pela aferição de sua temperatura corporal por meio de termômetros digitais sem contato físico. Caso a temperatura esteja acima dos 37,8° celsius, o colaborador é imediatamente orientado a voltar para casa e entrar em contatar a o médico do trabalho através da Telemedicina.

3 – PROCEDIMENTOS DOS FUNCIONÁRIOS QUE REALIZAM TRABALHOS EXTERNOS

As ações e procedimentos que foram adotadas especif icamente para as equipes de campo objetivando a prevenção do contágio do COVID-19 são:

• Distribuição de álcool em gel  70% de bolso ;

• Higienização diária dos veículos operacionais, smartphone, impressoras portáteis e EPI;

• Manter distância , de um a dois metros, dos  clientes ;

• Manter cordialidade, porém não efetuar contato f ísico com os clientes como abraço, aperto de mãos e etc.

• Não compartilhar EPI ;

• Utilização de copos descartáveis nas viaturas proibindo o compartilhamento;

• Evitar aceitar água, café , comest íveis etc, oferecidos pelos clientes;

• Realizar a higienização de talheres, copos e pratos dos restaurantes externos.

4 - FORNECIMENTO DE EPIs DESTINADOS À NEUTRALIZAÇÃO DOS RISCOS DECORRENTES DA PANDEMIA DA COVID-19.

A ENERGISA adquiriu diversos equipamentos destinados à neutral ização dos riscos decorrentes da pandemia do Coronavírus (COVID-19), a saber:

i) Termômetros portáteis (infravermelho) para veri f icar a temperatura de cada empregado antes do ingresso na empresa; ]

i i) Foram adquiridas mi lhares de máscaras (respiradores) as quais são regularmente uti l izadas pelos trabalhadores;

i i i) Foram real izadas diversas aquisições de álcool em gel, álcool 70% e outros produtos, como detergente e sabão, destinados à l impeza e à higienização dos equipamentos de uso coletivo.

5 – AFASTAMENTO DOS COLABORADORES INTEGRANTES DE GRUPOS VULNERÁVEIS.

A Energisa informa, ainda, que todos os seus colaboradores integrantes de grupos vulneráveis, e de conhecimento da empresa, foram devidamente afastados de suas atividades laborativas na sede da empresa, com percepção de remuneração, seja através de homeof fice, seja com a concessão de férias ou suspensão do contrato de trabalho.

6 - ACOMPANHAMENTO DE CASOS SUSPEITOS OU OCORRÊNCIAS CONFIRMADAS DE COVID-19

Conforme documentação anexa, a empresa instituiu um plano de contingência interno composto por protocolos, todos em consonância com as normas e orientações do Ministério da Saúde e da ANVISA – Agência Nacional de Vigi lância Sanitária, para enfrentamento dos efeitos da pandemia do Coronavírus (COVID-19) o que inclui a fiscal ização e acompanhamento constante dos casos onde ocorra suspeita ou confirmação da enfermidade (COVID-19).

7 - MONITORAMENTO DA SAÚDE DOS COLABORADORES INTEGRANTES DE GRUPOS VULNERÁVEIS

As pessoas integrantes do grupo de vulneráveis passam por aval iação do perfi l de risco e são afastados preventivamente do trabalho, caso o médico do trabalho observe a necessidade da medida de afastamento.

08 - VACINAÇÃO DOS COLABORADORES CONTRA O VIRUS DA INFLUENZA.

Como é do conhecimento de todos os colaboradores da ENERGISA, ocorreu entre a segunda quinzena de abri l e a primeira quinzena de maio a campanha para vacinação de todos os colaboradores da ENERGISA.

Nenhum comentário