Header Ads

Coriolano Coutinho é o único que não fala em colaborar com a Justiça


Diz-se que Coriolano Coutinho não foi solto ainda porque estaria esperando a chegada do irmão “famoso” Ricardo Coutinho, ex-governador, também ex-presidiário, na Média de Mangabeira, em João Pessoa.
Vulgarmente conhecido por “Cori”, ele impetrou um habeas corpus no Supremo Tribunal Federal, depois de ter sido negado nas instâncias inferiores. No entanto, não obteve ainda nenhuma resposta.
O pedido de soltura está com o ministro Gilmar Mendes, que lá atrás “Cori” considerou o integrante da Corte Suprema do País como “advogado de uma organização criminosa”. Até postou nas redes sociais.
Acusado de ser um dos operadores da organização criminosa instalada na Paraíba a partir de 2011, chegando a 2018, Coriolano está preso há 23 dias e, segundo informações, é único que ainda não falou em colaboração.


marconeferreira

Nenhum comentário