Header Ads

CMCG

Prefeito paraibano é cassado por improbidade administrativa

Em sentença proferida pelo juiz Francisco Thiago da Silva Rabelo, o prefeito do município de Uiraúna, João Bosco Nonato Fernandes, foi condenado por ato de improbidade administrativa.
Com a condenação, o gestor foi penalizado com a perda do cargo de prefeito, suspensão dos direitos políticos por três anos, pagamento de multa civil, correspondente a 10 vezes o valor da última remuneração percebida como prefeito e proibição de contratar com o Poder Público ou receber benefícios ou incentivos fiscais ou creditícios pelo prazo de três anos.
De acordo com os autos da Ação Civil Pública por ato de Improbidade Administrativa nº 0001765-43.2013.8.15.0491, proposta pelo Ministério Público estadual, o prefeito fez contratações indevidas.

Nenhum comentário