Header Ads

CMCG

Dupla suspeita de tentar assaltar o deputado Manoel Ludgério é presa


A Polícia Militar da Paraíba prendeu, nesta sexta-feira (3), dois homens envolvidos na emboscada praticada contra o deputado estadual paraibano Manoel Ludgério, ocorrida no dia 18 de junho no Sítio Capim Grande, na zona rural de Campina Grande. De acordo como o comandante do 2º Batalhão de PM, Cristóvão Lucas, a dupla foi detida no Distrito de São José da Mata, também em Campina Grande.
No momento da prisão, os suspeitos portavam três armas de fogo provavelmente utilizadas no dia da abordagem contra o parlamentar. Os dois homens foram encaminhados para Central de Polícia do bairro do Catolé. O comandante também informou que eles estavam praticando roubos pela região. Uma moto e uma máscara de fantasia foram apreendidas com os dois.
Tentativa de assalto
No dia 18 de junho, o deputado estadual Manoel Ludgério sofreu uma tentativa de assalto quando voltava de um jantar com amigos no Sítio Capim Grande, zona rural de Campina Grande. A ação aconteceu nas proximidades da Alça Sudoeste, onde foi montada uma barricada com pedras e pneus para facilitar a abordagem dos bandidos. As vítimas conseguiram fugir acelerando o carro.
Estilhaços de vidros atingiram os passageiros do veículo, deixando-os levemente feridos. Na época, um vídeo foi compartilhado nas redes sociais pelo político. Ele fez críticas à  segurança pública da Paraíba. “Lamentavelmente, o estado da Paraíba está entregue ao lixo, ao Deus dará. Nossa sociedade está totalmente desprotegida”, relatou o parlamentar.

OP9

Nenhum comentário