Header Ads

CMCG

Candidatos ao Palácio da Redenção investem em campanha na cidade de Campina Grande e apresentam novas propostas


Segundo maior colégio eleitoral da Paraíba com mais de 250 mil eleitores e historicamente decisiva para as eleições estaduais, Campina Grande tem sido visitada frequentemente pelos candidatos que disputam o governo do Estado. Eles têm investido na cidade na caça do voto dos eleitores.

Nesta quarta-feira (29), três dos cinco postulantes ao Palácio da Redenção, fizeram campanha na Rainha da Cidade. Lucélio Cartaxo do PV, escolheu a Bela Vista para apresentar as suas propostas, José Maranhão (MDB), participou da inauguração de Comitê no Catolé e João Azevedo (PSB), se reuniu com empresários e fez caminhada na Liberdade.
Candidato do governador Ricardo Coutinho João Azevêdo prometeu construir centro de comercialização calçadista na região de Campina Grande.
O candidato falou das propostas para o setor de turismo em Campina Grande e região, e declarou que pretende construir um centro de comercialização calçadista, que terá espaço para realização de feira de negócios. “Vamos a partir de 2019 buscar a elaboração de um projeto que possa atender o setor calçadista e, fora dos períodos da realização das feiras, [o projeto] possa ser utilizado por outros segmentos, como o setor de alimentos e hospedagem”, declarou.
Candidato de oposição ao governo da Paraíba , Lucélio Cartaxo (PV), disse que pretende criar programas que priorizem os microempreendedores da Paraíba.
“Que a gente possa criar na Paraíba um ambiente onde as pessoas possam fazer investimento, onde não tenha um governo que aumente consideravelmente o número de impostos. Queremos um ambiente onde a gente possa trazer o investidor para gerar emprego e renda”, enfatizou o candidato.
Também em Campina Grande, o candidato José Maranhão destacou a geração de emprego como principal bandeira nas Eleições deste ano.O candidato também falou sobre as propostas de governo caso seja eleito.
“Não existe forma sustentável de se gerar emprego se não pelo estímulo à atividade econômica, fazendo de Campina Grande aquilo que sempre foi, uma cidade que liderou o desenvolvimento industrial”.


PB Agora

Nenhum comentário