Aumento de casos de Covid-19 na Paraíba faz Governo suspender retorno de aulas presenciais



O governador do Estado da Paraíba, João Azevêdo (Cidadania), confirmou na manhã desta segunda-feira (22) a suspensão do retorno presencial às aulas escolares.

As atividades iriam ser aplicadas a partir do dia 1º de março utilizando o modelo híbrido onde 30% das aulas aconteceriam de modo presencial e 70% de forma remota.

O motivo é o agravamento do avanço do vírus da Covid-19 no Estado por conta de aglomerações registradas durante o período do Carnaval 2021.

A orientação de especialistas do setor da Saúde é que as escolas privadas também adotem a medida anunciada por, pelo menos 15 dias, para tentar conter o avanço do vírus em território paraibano.

Nenhum comentário