Futuro presidente da Câmara de Montadas focará no trabalho coletivo

 


Ao tomar posse na próxima sexta, 01, o vereador Yuri Veríssimo estará iniciando o seu segundo mandato e também como escolhido pela bancada do governo será o próximo presidente da Câmara Municipal de Montadas no primeiro biênio com a missa de conduzir os destinos da Casa Manoel Fernandes da Silva, pertencendo a tradicional família Verissimo, tem na figura do seu avô a maior liderança do município, Antônio Verissimo de Souza, prefeito por três vezes do municipio.

Filho de Fernando Antônio de Souza, que foi vice-prefeito por duas vezes de Montadas, Yuri é sobrinho do ex-prefeito por três vezes José de Arimateia Souza, e segue a tradição política da família. Funcionário público destacou no primeiro mandato por ser o mais votado e nestas eleições de novembro chegou a reeleição com um trabalho forte nas comunidades mais carentes de Montadas.

Yuri também é primo do atual prefeito de Montadas, Jonas de Souza e do ex-prefeito Lindembergue Souza Silva, prefeito por dois mandatos.

“Sempre convivi com meu pai, meu tio e meu avô e aprendi que politica se faz com respeito e trabalho, muito trabalho por isso esse segundo mandato além de ser fruto do reconhecimento do povo pelo que fiz no primeiro mandato, será marcado pela força de um trabalho voltado para o respeito e a lei, me preocupo muito com a vontade do povo e na condução da Casa estarei vigilante a tudo, por isso gosto sempre de expressar o meu reconhecimento pela forma como o povo me conduziu e também aos meus pares de bancada por indicar meu nome para comandar a Câmara de vereadores”, afirmou.

Yuri Veríssimo também anunciou que pretende apresentar projetos que na sua gestão, enfatizando três eixos: primeiro, ampliar as ações das comissões técnicas, permitir o debate e por ultimo manter a boa convivência com todos os segmentos da Cidade. “Sempre me conduzirei pela democracia dos pensamentos e respeito a pluralidade, vamos trabalhar de forma técnica garantindo o debate e o respeito às instituições, principalmente a Prefeitura, pretendemos descentralizar as ações da Casa, com a realização de Audiências Públicas de forma participativa”, concluiu Yuri.

pagina1pb

Nenhum comentário