Header Ads

Arrascaeta pode ser o substituto de Messi



jornal “Marca”, da Espanha, decidiu recorrer às estatísticas para encontrar o substituto ideal de Messi no Barcelona. Através de uma ferramenta de scouting, o diário analisou jogadores de nove ligas do mundo. A conclusão: ninguém é mais apropriado para ocupar o lugar do argentino quanto Neymar e Dybala.

A pesquisa avaliou atletas das cinco principais ligas do mundo: Premier League (Inglaterra), La Liga (Espanha), Bundesliga (Alemanha), Serie A (Itália) e Ligue 1 (França). Portugal, Brasil, Argentina e Holanda também foram incluídos por serem considerados bons mercados.

As métricas consideradas como características principais de Messi foram usadas para encontrar seu sucessor ideal. Entre elas, estão passes em profundidade, pênaltis convertidos, finalizações certas, finalizações na trave, precisão nos passes no último terço, passes verticais, gols, assistências e duelos ganhos.

O jornal fechou a lista em 10 nomes. Além de Neymar, outro jogador bem conhecido dos brasileiros é Arrascaeta, do Flamengo. Também fazem parte do grupo: Bruno Fernandes (Manchester United), Pizzi (Benfica), Serge Gnabry (Bayern), Riyad Mahrez (City), Paulo Dybala (Juventus), Jadon Sancho (Dortmund), Timo Werner (Chelsea) e Steve Berghuis (Feyenoord).

Deste total, Bruno Fernandes, Neymar, Dybala, Mahrez e Berghuis foram os considerados mais próximos de Messi num balanço entre as semelhanças das métricas e do posicionamento em campo. Dos cinco, o brasileiro e o argentino foram os mais semelhantes.

“Em métricas, ele é o que mais se assemelha na nossa seleção, embora as áreas de atuação do brasileiro (28 anos) sejam bem menores que as de Messi, (14%). Melhor que o argentino em termos de finalização (sem esquecer que joga na França) embora peque em assistências. Seu retorno seria um alívio para os fãs”, disse o jornal ao se referir a Neymar.

“Pode-se dizer que o jogador que mais se parece com Leo é o compatriota Paulo Dybala (26 anos). O jogador da Juventus tem métricas semelhantes e, além disso, quase traça as áreas do campo por onde o jogador do Barça ainda se movimenta (91%). Curioso em ver que ele melhora um pouco em duelos ofensivos vencidos e em passes tanto verticais como no último terço de campo . Por outro lado, deve evoluir no setor goleador e assistências , dois aspectos que são fundamentais para o bom trabalho de Messi”, afirmou o “Marca” ao falar de Dybala.

Nenhum comentário