Header Ads

Prefeito de Araruna é acusado mas nega ter coagido servidores a participarem de live


Após a repercussão de um áudio em que estaria coagindo os servidores a participar da live da prefeitura, o prefeito de Araruna, Vital Costa, negou a informação e disse que o convite foi para que servidores participassem das ações promovidas pela gestão municipal.

Na gravação atribuída a Vital, ele dizia que “quem não está integrado na gestão, está com vergonha dela e esse não é momento para ter vergonha”.

“Quem está no governo tem que defender o projeto ou peça para sair”, dizia ele no áudio. Mas ao ser questionado em um programa da Rádio 98 Correio FM, o prefeito disse que se referia às ações do governo e que cada servidor deveria participar.

“Eu não falo em live, eu falo nas ações que cada servidor participe. Externe a verdade o que tá acontecendo no município para se contrapor à mentira. O mal não pode o bem e a mentira não pode sobrepor a Verdade”, disse.



paraibatododia

Nenhum comentário