Header Ads

Secretário de Saúde prevê redução de casos pelos próximos 15 dias

.



A Paraíba atingiu o que especialistas chamam de platô da transmissão da Covid-19 e a perspectiva agora gira em torno de redução no número de casos pelos próximos 15 dias. A revelação é do secretário de Saúde do Estado, Geraldo Medeiros.

“O que nós identificamos, através de gráficos, é que João Pessoa está atingindo um platô com tendência a haver um decréscimo no número de leitos de UTI adultos ocupadas e de casos”, disse o secretário durante entrevista ao Jornal da Manhã, da Jovem Pan João Pessoa.

Geraldo Medeiros alerta que é preciso ter cautela e que as pessoas devem manter os cuidados. “É fundamental que as pessoas entendam que flexibilização lenta e gradual não é para todo mundo ir par a rua, provocar aglomerações”, ressaltou.

O gestor lembrou de cidades que tiveram que retroceder após a flexibilização, a exemplo de Porto Alegre, que retroagiu e voltou a fechar o comércio.

“Essa é uma realidade que pode ocorrer em qualquer estado, cidade, se as pessoas não colaborarem. Nesse momento não vamos ser como era antes. Temos que usar máscaras, manter distância, não produzir aglomerações, manter cuidados com a lavagem das mãos, uso do álcool em gel”, frisou.

A tendência de queda no número de casos, entretanto, segundo ele, não ocorrerá em todas as cidades paraibanas, a exemplo de Cabedelo, Santa Rita e Bayeux.

O secretário disse que, na capital paraibana, mesmo com a adesão inadequada da população ao isolamento social, ela contribuiu para controlar a propagação do vírus, além de uma série de ações realizadas, como a ampliação dos leitos de UTIs, enfermarias e da testagem da população.

O secretário anunciou, inclusive, que ainda hoje a Paraíba deve receber 70 mil testes rápidos.

“Tudo isso contribuiu para controlar a propagação do vírus. Mas é preciso lembar que só conseguiremos combater o vírus através do isolamento social e que o vírus só vai desaparecer a partir do momento em que tivermos uma vacina”, destacou, chamando a atenção para o fato de que é necessário muita cautela por parte da população em relação ao processo de flexibilização.

Nenhum comentário