Header Ads

Governadora do RN afirma que Governo da Bahia foi o responsável pela compra de respiradores que estão em investigação por suspeita de fraude

A polêmica em torno da fraude na compra dos 300 respiradores pelo valor de R$ 49 milhões, feita pelo Consórcio Nordeste, parece estar longe de ter um ponto final. O novo episódio agora envolve a governadora do Rio Grande do Norte, Fátima Bezerra (PT) e o governador Rui Costa (PT).

A governadora Potiguar deixa claro que a responsabilidade pela compra dos respiradores, que seriam distribuídos entre os estados nordestinos, que acabou indo parar nas páginas policiais, é de inteira responsabilidade do Estado da Bahia, que segundo a Fátima, foi encarregada pela arrecadação dos recursos dos estados da região para  compra dos aparelhos.

O então secretário da Casa-Civil do Estado da Bahia, Bruno Dauster foi citado como o  responsável direto pelas negociações com a Hempcare, que deveria entregar os respiradores.

“Cumpre salientar que pela legislação a responsabilidade das operações é do Estado líder, atualmente o Governo da Bahia, que tem a prerrogativa de processar todos os atos administrativos relacionados, inclusive expedindo pareceres jurídicos”, diz trecho da nota enviada ao blog pelo governo potiguar.

Nenhum comentário