Header Ads

Romero anuncia data e hora da inauguração do Hospital de Campanha de Campina Grande


Solenidade será simples, sem público e com transmissão pelas redes sociais

O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, confirmou na manhã desta quarta-feira, 6, durante entrevista à Rádio CBN, que o Hospital de Campanha, em fase de conclusão ao lado do Hospital Municipal Pedro I, será inaugurado na próxima terça-feira, dia 12 de maio, a partir das 10h. De acordo com o prefeito, a inauguração será feita de forma virtual, com transmissão pelas redes sociais. 

Conforme explicou Romero Rodrigues, a unidade inicialmente seria destinada aos pacientes que fazem tratamento de hemodiálise, mas diante da pandemia do coronavírus, o novo Hospital passa a ter o foco nos pacientes infectados com a Covid-19. O hospital está sendo construído no bairro do São José com recursos próprios do município. 

Ele informou que a unidade terá 42 leitos. Além disso, contará de imediato com sete respiradores de um total previsto de 20 equipamentos. Ressaltou que, recentemente, foram adquiridos mais quatro respiradores, comprados no Recife, custando cada um R$ 57 mil, tendo, para tanto, o apoio e a parceria do Tribunal de Justiça da Paraíba.

"Portanto, já temos assegurados 11 dos 20 respiradores previstos em nosso planejamento inicial”, afirmou. 
O prefeito campinense também tem conquistado o apoio de outras instituições para o combate ao coronavirus na cidade, destacando entendimentos junto a empresa Alpargatas, a qual solicitou a doação de respiradores. Ainda manifestou gratidão ao Ministério Público do Trabalho (MPT), que tem dado apoio à instalação de outros tipos de equipamentos no hospital de campanha. 

Leitos

Fazendo um balanço da ocupação de leitos na cidade, o prefeito informou que, dos 96 leitos do Hospital Pedro I, 16 estão ocupados, sendo 9 no setor de UTI e o restante de internações na enfermaria.

Nenhum comentário