Header Ads

475 mortes: Itália atinge recorde de mortes por país num único dia

A pandemia de Covid-19 provocou mais 475 mortes em Itália nas últimas 24 horas, o pior balanço registado num único país e num único dia, anunciou esta quarta-feira a proteção civil.

Até ao momento, cerca de três mil pessoas (2.978) perderam a vida em Itália devido a esta doença, um balanço muito próximo do registado na China (mais de 3.200 mortos), o foco inicial da pandemia.

Os serviços sanitários italianos registaram 4.207 novos casos as últimas 24 horas, um número que nunca tinha sido atingido desde o início da crise.

A Lombardia, a região de Milão, permanece a mais atingida, com cerca de dois terços das mortes recenseadas.

No entanto, o aumento dos novos casos também ocorreu em outras regiões, em particular em Veneto e Piemonte com cerca de 500 novos casos cada, ou a Toscana com um aumento de 300 casos.
O anterior recorde de um único dia tinha sido registado no domingo, com 368 mortos, um total que a China nunca conheceu, segundo os balanços oficiais.

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da Covid-19, infetou mais de 200 mil pessoas em todo o mundo, das quais mais de 8.200 morreram.

Das pessoas infetadas, mais de 82.500 recuperaram da doença.

A China registou nas últimas 24 horas 11 mortos e 13 novos casos infeção pela Covid-19, mas só um é de Wuhan, todos os outros 12 são importados.


blogmariosorrentino

Nenhum comentário