Header Ads

Veja confirma: Governador da Paraíba responde a inquérito no Superior Tribunal de Justiça.


O governador da Paraíba, João Azevêdo já tem um inquérito para chamar de seu no Superior Tribunal de Justiça. A amizade com Ricardo Coutinho, o ex-governador alvo de uma investigação da Polícia Federal por desvios na saúde e educação do estado, está dando muita dor de cabeça ao atual mandatário.
No mês passado, o Radar mostrou que a investigação do Ministério Público da Paraíba sobre o ex-governador Coutinho esbarrou em Azevêdo e seus acertos com empreiteiras freguesas da Lava Jato.
O ex-secretário de Turismo Ivan Burity fechou delação e revelou que Azevêdo, ainda em 2014, realizou uma reunião com o consórcio de empreiteiras que constrói o canal da Transposição do Rio São Francisco no estado para decidir a partilha da propina que seria repassada a políticos em troca de apoio ao então governador Coutinho, informa reportagem da coluna Radar, da Veja.
“Após reunião na sala do ex-secretário João Azevedo, onde estavam presentes representantes das construtoras do canal Acauã-Araçagi, quais sejam, Marquise, Via Engenharia, Galvão Engenharia e Queiroz Galvão, ficou decidido que eles iriam centralizar as colaborações da campanha através da Via Engenharia”, conta Burity em trecho de sua colaboração.


reportagem da coluna Radar, da Veja

Nenhum comentário