Header Ads

Construtora Via Engenharia pagou propina de 3% dos contratos firmados no governo de Ricardo Coutinho


Novas revelações em torno da Operação Calvário colocam na cena do crime a empresa Via Engenharia, que teria pago de propina 3% dos contratos firmados com o Governo do Estado da Paraíba, na gestão do chefe da organização criminosa, Ricardo Coutinho (PSB). A informação veio à tona através de delação premiada da ex-secretária Livânia Farias ao Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado do Ministério Público do Estado da Paraíba.
Confira o trecho:
Participação da empresa VIA ENGENHARIA na organização criminosa;
Em seu depoimento disse: “QUE a VIA ENGENHARIA foi com IVAN BUTIRY para recebimento e também foi na sede da empresa em Brasília conversar com NOLLI no período da campanha de 2012, 2014, 2016 e só não foi em 2018; QUE NOLLI era a ligação/operador da VIA ENGENHARIA; QUE era com NOLLI que conversava para saber como seriam os pagamentos; QUE havia um acerto, dito por NOLLI, que tudo que se pagasse ao consórcio, pois era um consórcio da QUEIROZ GALVÃO, VIA e MARQUISE seria 3%; QUE quem pagava era a VIA e IVAN que pegava; QUE uma vez foi com LEANDRO em Brasília e recebeu o dinheiro; QUE ficaram num hotel em Brasília e distribuiu para os fornecedores.


politicaparahyba

Nenhum comentário