Header Ads

Ricardo Coutinho é o mais rejeitado na disputa pela Prefeitura de João Pessoa


O ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) é o candidato mais rejeitado na pesquisa encomendada pelo Portal MaisPB ao Instituto Opinião para a sucessão na Prefeitura de João Pessoa. Os dados foram divulgados nesta terça-feira (03), durante o programa Hora H, apresentado pelos jornalistas Heron Cid e Wallison Bezerra, na Rede Mais Conteúdo.

Quando perguntado aos eleitores da Capital em que candidato não votaram de jeito forma alguma, o ex-governador Ricardo Coutinho aparece em primeiro lugar com 18,4% das intenções de voto, seguido pelo deputado federal Ruy Carneiro (PSDB) com 7,9%, o deputado federal Efraim Filho (DEM), que tem 7,1%, e o vice-prefeito de João Pessoa, Manoel Júnior, com 5,3%,

A lista dos mais rejeitados segue com o apresentador Nilvan Ferreira (4,3%), o deputado estadual Walber Virgolino (4,3%), Diego Tavares (3,4%), Pr. Sérgio Queiroz (3,4%), deputado estadual Wilson Filho (3,4%) e o também deputado estadual Eduardo Carneiro (1,4%).

De acordo com os dados, 10,6% rejeitam todos e 30,5% não rejeitam nenhum.

DENTRE ESSES NOMES, EM QUEM O(A) SR.(A) NÃO VOTARIA DE FORMA ALGUMA PARA PREFEITO DE JOÃO PESSOA? (RESPOSTA ESTIMULADA E ÚNICA EM %


Sobre a pesquisa – A pesquisa foi realizada nos dias 30 de novembro e 01 de dezembro de 2019 em 40 bairros de João Pessoa: Altiplano Cabo Branco, Alto do Céu, Alto do Mateus, Bairro dos Estados, Bancários, Bessa, Brisamar, Cabo Branco, Castelo Branco, Cidade dos Colibris, Centro, Cristo Redentor, Cruz das Armas, Ernesto Geisel, Expedicionários, Funcionários, Grotão, Ilha do Bispo, Ipês, Jaguaribe, Jardim Oceania, Jardim Veneza, Jardim Cidade Universitária, João Agripino, João Paulo II, José Américo, Manaíra, Mandacarú, Mangabeira, Miramar, Oitizeiro, Padre Zé, Paratibe, Roger, Tambaú, Tambauzinho, Torre, Treze de Maio, Valentina Figueiredo e Varjão/Rangel. Foram realizadas 800 entrevistas com eleitores de 16 anos ou mais.  O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima estimada é de 3,5 pontos percentuais para mais ou para menos sobre os resultados encontrados no total da amostra.

Instituto de credibilidade – O Instituto Opinião tem 25 anos de experiência no mercado nordestino. Sediado em Campina Grande, é um dos mais acreditados e respeitados no segmento. O Opinião é parceiro do Portal MaisPB desde 2016.


primeirasnoticias

Nenhum comentário