Header Ads

CMCG

Conselho de Educação Física da PB flagra 46 academias, escolas e profissionais irregulares


Uma série de irregularidades foram registradas na região do Sertão e do Curimataú paraibanos com relação ao exercício ilegal da profissão de Educação Física. Balanço divulgado nesta quarta-feira (6) pela equipe de fiscalização do Conselho Regional de Educação Física da 10ª Região (Cref10) informou que apenas na última semana foram 46 autuações.

Os notificados terão 15 dias para apresentar contestação junto ao Conselho. Caso isso não aconteça, a notificação pode se converter em multa ou ação civil pública.

Dentre os problemas, a maioria foi contra academias de ginástica, visto que 25 delas foram flagradas funcionando sem a presença de profissionais da área, o que é obrigatório por lei. Ademais, sete outras academias foram autuadas por não terem registros atualizados junto ao Conselho.

A fiscalização identificou ainda que duas escolas mantinham como professores de Educação Física pessoas sem a devida autorização do Cref10. Além disso, sete pessoas foram flagradas exercendo ilegalmente a profissão.

Mais quatro profissionais foram notificados porque, mesmo sendo responsáveis técnicos de estabelecimentos, não estavam no local, regressando apenas depois da presença da fiscalização. Além disso, um profissional foi notificado por transgressão ao Código de Ética da profissão.

A fiscalização passou por 32 municípios e em 22 deles foram identificados algum tipo de irregularidade.


G1PB

Nenhum comentário