Header Ads

Neta de ex-senador morre aos 22 anos com suspeita de overdose


A neta do antigo senador dos EUA Robert F. Kennedy, Saoirse Kennedy Hill, morreu nesta quinta-feira (1) aos 22 anos, vítima de uma suposta overdose na propriedade da família, em Massachussetts.

Em uma declaração para a revista PEOPLE, a família confirmou a notícia algumas horas depois da chegada dos paramédicos na casa.

“Nossos corações estão abalados com a morte da nossa querida Saoirse. Sua vida era cheia de esperança, promessas e amor. Ela se preocupava muito com seus amigos e familiares, especialmente sua mãe Courtney, seu pai Paul, sua madrasta Stephanie e sua avó Ethel", dizia a mensagem.

"O mundo está um pouco menos bonito hoje. Ela iluminou nossas vidas com seu amor, sua risada e seu espírito generoso. Saoirse era movida pelos direitos humanos e empoderamento das mulheres e encontrou muita alegria no trabalho voluntário ao lado de comunidades indígenas para construir escolas no México. Nós sempre a amaremos e sentiremos sua falta", declarou sua avó, Ethel.

A morte de Saoirse estende a trágica linhagem dos Kennedy, marcados pela morte dramática de diversos membros da família. O antigo presidente dos EUA, John F. Kennedy, foi assassinado em 1963, assim como seu irmão e avô de Saoirse, Robert F. Kennedy, em 1968.

John F. Kennedy Jr, filho do presidente Kennedy, morreu em um acidente de avião com a mulher Carolyn em 1999. Dois filhos de Robert, David Kennedy e Michael Kennedy, também morreram em circunstâncias trágicas. O primeiro por overdose em 1984 e o segundo em um acidente de esqui em 1997. 


Com Quem

Nenhum comentário