Header Ads

CMCG

Aesa acredita que volumes de açudes do brejo devem dobrar com chuvas de agosto

O presidente da Agência Executiva de Gestão das Águas, Porfírio Loureiro, afirmou que as chuvas registradas no mês de julho e no início de agosto na Paraíba foram fundamentais para o reabastecimento de mananciais que estavam em situação crítica no Estado.
Ele citou que os alguns mananciais estão sangrando, como os açudes de Gramame, Aracagi, Marés e São Salvador.
Segundo Porfírio, o Açude de Acauã está recebendo água do Açude de Boqueirão. Também disse que a expectativa é de que as chuvas deste mês dobrem o volume dos mananciais do Estado.
– As chuvas que ocorreram no Leste, Agreste e Brejo fizeram com que a recarga em açudes acontecesse. A notícia importante para nós é de que o Açude de Acauã pegou água de Boqueirão e também das chuvas. Com essas chuvas que tivemos em julho e início do mês de agosto foi possível reativar alguns sistemas de abastecimento que estavam em racionamento – disse.
As informações foram concedidas em entrevista à Rádio Panorâmica FM.


paraibaonline

Nenhum comentário