Header Ads

CMCG

Romero assina ordem de serviço e instalação de iluminação em led no Complexo Aluízio Campos é iniciada



O prefeito de Campina Grande, Romero Rodrigues, assinou na manhã desta quarta-feira, 9, a Ordem de Serviço para instalação de iluminação em led em todas as ruas do Complexo Habitacional Aluízio Campos, no bairro do Ligeiro. Só nesta primeira fase, o investimento pelo Programa Ilumina Campina é da ordem de R$ 872 mil. As equipes iniciaram no mesmo momento os serviços.

Durante o ato de assinatura da ordem de serviço, marcado pela informalidade, o prefeito campinense anunciou que a iluminação vai ser implantada tanto na parte interna do conjunto quanto no setor externo, até a BR-104. Além do acesso à rodovia, serão implantadas ainda duas vias laterais (sentido Campina Grande-Queimadas), possibilitando melhores condições de acesso ou mobilidade ao maior núcleo habitacional em construção no Brasil, o qual conta com 4.100 unidades, entre casas e apartamentos.

Romero Rodrigues ressaltou que, além da grandiosidade da obra, ela se destaca pela sua modernidade, pois as casas foram contempladas com energia solar e outros importantes recursos. “Devemos, com certeza, frisar, neste contexto de realizações, que os 20 mil futuros moradores do complexo vão desfrutar de condições adequadas de segurança graças à moderna iluminação a ser implantada no local”, reforçou.

De acordo com Romero Rodrigues, o serviço de implantação da iluminação vai se processar rapidamente, enquanto as demais obras de conclusão do Aluísio Campos deverão se prolongar durante mais três meses, faltando pouco tempo, portanto, para que milhares de campinenses consigam a concretização do sonho da casa própria.

“Faltam, por exemplo, algumas providências para a conexão de uma adutora ao novo complexo, a iluminação e a conclusão do asfaltamento de mais algumas vias”, acrescentou, esclarecendo que quanto à adutora era de responsabilidade do Estado, que nada fez neste sentido, mas a prefeitura assumiu a obra e nela fez um investimento de R$ 12 milhões.

O prefeito lembrou que os equipamentos comunitários já estão prontos, sendo duas escolas, três creches, dois postos de saúde (para duas equipes do PSF), um CRAS e dez praças com academias populares, além de sete áreas para a realização de eventos populares e comunitários. Serão implantados ainda setores comerciais como padarias, supermercados e outros. O Investimento total no Aluísio Campos foi de R$ 300 como uma contrapartida de R$ 30 milhões do município.

Além da secretária de Obras, Fernanda Ribeiro, prestigiaram o ato desta manhã o vice-prefeito Enivaldo Ribeiro; os secretários Teles Albuquerque (Esportes), Fábio Agra (Agricultura), Eva Gouveia (Semas), Paulo Roberto Diniz (Administração) e Denise Sena (coordenadora do Meio Ambiente), Antônio Hermano (presidente do IPSEM) e o deputado estadual Guilherme Almeida. Entre os vereadores, compareceram Rui da Ceasa, Alexandre do Sindicato, Ivan Batista e Aldo Cabral.

Nenhum comentário