Header Ads

CMCG

Presidente do TJPB reduz sete cargos de diretoria e quer economizar 1,2 mi


O presidente do Tribunal de Justiça da Paraíba (TJPB), Márcio Murilo da Cunha Ramos, anunciou nesta quarta-feira (16) a redução de sete cargos comissionados de diretores. A estimativa do TJPB, gerar uma economia de aproximadamente R$ 1.2 milhão aos cofres públicos do poder judiciário estadual.
De acordo com Márcio Murilo, a redução de 11 para quatro cargos comissionados de diretores, atendi a uma recomendação do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), mais especificamente a resolução n° 219.
Os diretores possuem as atribuições mais relevantes e também as maiores remunerações da esfera Administrativa do Tribunal, assim como os secretários de Estado do Poder Executivo.
“A Presidência vai propor, logo no início da gestão, a extinção, por projeto de lei, de três cargos: diretor de comunicação, diretor especial e diretor de segurança institucional. Dos quatro cargos remanescentes, dois serão acumulados. O diretor de Gestão Estratégica, Tony Márcio, acumulará as atribuições da Diretoria de Economia e Finanças e o diretor de Gestão de Pessoas, Einstein Roosevelt Leite, assumirá, também, as funções da Diretoria Administrativa”, informou.
Os cargos de diretor das Diretorias Jurídica e de Processo Administrativo não serão preenchidos. Haverá uma reformulação nas atribuições da equipe, que será coordenada pelo juiz auxiliar da Presidência Rodrigo Marques Silva Lima. A Diretoria de Tecnologia da Informação vai ter José Teixeira de Carvalho Neto como responsável e a Diretoria Judiciária vai ser comandada pela servidora concursada Poliana Leite da Silva Brilhante.

G1

Nenhum comentário