Header Ads

CMCG

Onyx diz que Bolsonaro se 'equivocou' ao anunciar aumento no IOF


O ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou nesta sexta-feira que o presidente Jair Bolsonaro se "equivocou" ao anunciar que haveria aumento no Imposto sobre Operação Financeiras (IOF).

Mais cedo, Bolsonaro disse que o governo elevaria o tributo para compensar perda de arrecadação com a concessão de incentivos às regiões Norte e Nordeste. Antes de Onyx, o secretário especial de Receita Federal, Marcos Cintra, também já havia dito que não haveria aumento.

O aumento do imposto seria a solução encontrada pelo governo para garantir a prorrogação até 2023 dos incentivos fiscais concedidos às regiões Norte e Nordeste , aprovados pelo Congresso ano passado e sancionados por Bolsonaro na quinta-feira.Os benefícios são válidos para empresas que operam nas áreas de atuação das superintendências do Desenvolvimento da Amazônia (Sudam) e do Nordeste (Sudene).

— Ele se equivocou. Ele assinou a continuidade do projeto da Sudam e da Sudene — disse Onyx em entrevista coletiva no Palácio do Planalto.

Em relação à redução do Imposto de Renda, também anunciada por Bolsonaro e desmentida por Cintra, Onyx disse que é uma "tese que vem lá da campanha", mas ressaltou que não é o momento de reduzir a arrecadação, devido ao déficit.

— Temos uma premissa que é obter o equilíbrio fiscal. Nós temos para este ano um déficit primário previsto de 139 milhões, claro que não podemos nesse momento fazer nenhuma ação que pode resultar em redução da arrecadação.

O Globo

Nenhum comentário