Header Ads

CMCG

Homem é preso suspeito de estuprar menina de 6 anos em Campina Grande


Um homem foi preso suspeito de estuprar uma criança de 6 anos na tarde do domingo (30) em Campina Grande. De acordo com o boletim de ocorrência registrado pela mãe da vítima na Polícia Civil, o suspeito detido era vizinho da vítima.

Na manhã desta segunda-feira (1º), o delegado plantonista Gerônimo Barreto informou ao G1 que não é possível dar detalhes do caso pela vítima se tratar de uma criança, mas que o suspeito foi preso em flagrante ainda na noite do domingo.

A Polícia Militar foi acionada por volta das 17h em uma chácara localizada na comunidade Campo de Angola, no distrito de São José da Mata. Ao chegar ao local, a mãe da criança relatou à PM que a filha dela, de 6 anos, brincava na casa quando foi abusada sexuamente pelo proprietário da residência.

Júlio Tavares da Silva, de 49 anos, foi flagrado pela mãe da criança enquanto molestava a menina em uma rede da casa, segundo o boletim de ocorrência. A mulher disse que retirou a menina do local, mas que minutos depois perdeu a criança de vista. Ao procurar pela menina, a mãe viu quando a criança saiu de dentro da residência vestindo as roupas e afirmou que o homem deu para a criança uma nota de R$ 5.

Ainda de acordo com o boletim, a mãe da criança relatou que a menina contou como teria acontecido o crime. Outra testemunha, que também estava no local, confirmou a versão da mãe da criança à polícia.

Após buscas pelo suspeito, a Polícia Militar encontrou o homem ainda na noite do domingo, em um bar na Avenida Floriano Peixoto, em Campina Grande. Segundo a Polícia Civil, Júlio admitiu que esteve na chacára com a criança e com outros vizinhos, mas negou que tivesse abusado sexualmente da menina. Ele foi preso em flagrante e encaminhado para a Central de Polícia Civil, onde permanece detido.

Nenhum comentário