Header Ads

CMCG

Após repercussão negativa na Globo, Ricardo exonera delegados responsáveis pela Operação Cartola



Após repercussão negativa de reportagem do Esporte Espetacular, da Rede Globo de Televisão, no último domingo (28), envolvendo seu nome na Operação Cartola, que apura um esquema de propina e manipulação de resultados no futebol paraibano, o governador Ricardo Coutinho (PSB), exonerou os delegados responsáveis pelas investigações: Lucas Sá e Maria Vanderleia Gadi

A exoneração foi publicada na edição desta quarta-feira (31), do Diário Oficial do Estado. Lucas Sá era titular da da Delegacia de Defraudações e Falsificações de João Pessoa e foi nomeado delegado adjunto de delegacia especializada. Vanderleia Gadi também foi nomeada delegada adjunta de delegacia especializada.

A reportagem do Esporte Espetacular, da TV Globo, diz que o governador sabia do suposto esquema de propina no futebol paraibano, investigado pela Operação Cartola, e até teria mandado o ex-vice de futebol do Botafogo, Breno Morais, comprar juiz.

Uma das transcrições a que a reportagem teve acesso relata um diálogo peculiar entre dirigentes do Botafogo-PB. Zezinho, então presidente do clube, e Breno, ex-vice de futebol, falam sobre a derrota por 4 a 0 sofrida pelo Botafogo-PB pelo Atlético-MG, válida pela Copa do Brasil, em João Pessoa.

Breno conta a Zezinho que teria assistido ao jogo ao lado do governador do estado, Ricardo Coutinho, que, incomodado com a goleada imposta pelo time visitante, teria lamentado que o dirigente não tivesse pago propina ao árbitro para beneficiar a equipe da casa. Segundo o dirigente, o governador teria dito: “Breno, o certo era você ter comprado o juiz de um jogo desse aí“, que disse ter respondido: “Eu sei, mas não tive jeito de chegar.”

A reportagem da TV Globo diz que a Polícia Civil não fala mais sobre o caso e os inquéritos que tramitavam na Delegacia de Defraudações foram encerrados.

NOTA

Em nota, o governador Ricardo Coutinho repudiou o completamente o uso irresponsável
de seu nome em matéria veiculada no domingo pelo Esporte Espetacular, da TV Globo, e anunciou que tomará providências jurídicas contra ilações retratadas, num claro e irresponsável esforço de envolvê-lo sem elemento comprobatório algum.

“O governador e o governo não figuram sequer como parte nas investigações desse processo. O governador reitera a completa inexistência de qualquer relação com quaisquer dos fatos relacionados à investigação da Operação Cartola e estará pronto para confrontar eventuais abusos em quaisquer instâncias”, diz a nota.

TÁ NA ÁREA

Nenhum comentário