Header Ads

CMCG

Polícia recupera na Paraíba carga de óleo diesel avaliada em quase 100 mil reais



Policiais civis da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC) de João Pessoa conseguiram recuperar, no início da tarde desta quinta-feira (12), na BR-101, um caminhão tanque que foi roubado pela manhã quando passava pelo município de Igarassu, no estado de Pernambuco. A Polícia Civil tomou conhecimento do caso por meio da empresa que faz o monitoramento do veículo. Eles informaram que existia a suspeita de que a Paraíba estava na rota de fuga dos criminosos.

Segundo o representante da empresa, o caminhão saiu do Porto de Suape, em Pernambuco, transportando 30 mil litros de óleo diesel, uma carga avaliada em quase R$ 100 mil. O combustível seria entregue em Mossoró, no Rio Grande do Norte, mas durante o trajeto o rastreador foi desligado. A empresa de monitoramento tentou falar com o motorista e não conseguiu, o que levantou a suspeita de que o caminhão tinha sido roubado. A partir dessas informações, a Polícia Civil da Paraíba, por meio da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas, começou a monitorar as vias de acesso a João Pessoa.

O caminhão foi recuperado próximo à localidade conhecida como Três Lagoas, na BR-101. Quando notaram a presença da polícia, os criminosos abandonaram o veículo e fugiram, deixando o motorista do caminhão amarrado. “A vítima informou que o crime foi praticado por dois homens que trancaram o caminhão com um carro preto. De acordo com o motorista, eles estavam armados. Os criminosos amarraram a vítima e seguiram com ele por estradas que ele acredita serem vias alternativas de barro de difícil acesso usadas para escapar de uma ação policial, mas os suspeitos não conseguiram chegar onde pretendiam, porque identificamos o caminhão quando ele entrou na Capital”, disse o delegado Getulio Machado.

O motorista do caminhão foi encaminhado para a Central de Polícia para registrar a ocorrência e agora a Polícia Civil concentra os trabalhos na identificação e prisão dos envolvidos com o crime.

Nenhum comentário