Header Ads

CMCG

Presidente do PT Nacional enquadra executiva na Paraíba: "Partido tem dívida de gratidão com RC"




Colocando fim na novela do apoio ou não do Partido dos Trabalhadores (PT) ao projeto do PSB paraibano capitaneado pelas pré-candidaturas socialistas ao Governo de João Azevêdo e ao Senado do atual Deputado Federal Veneziano Vital do Rêgo, a presidente nacional do PT, Gleisi Hoffmann declarou que o partido tem uma dívida de gratidão com Ricardo Coutinho e deve acompanhar os projetos da sigla.
“É natural que num processo como esse de definição de alianças a gente tenha debate de ideias é assim que a gente monta o processo. Em primeiro lugar é preciso dizer que o partido tem uma dívida de gratidão com o governador Ricardo Coutinho. Ele foi sempre muito parceiro dos ex-presidentes Lula e Dilma e no Estado somos parceiros. Então nossa tendência óbvia é apoiar uma aliança com o governador”, disse a presidente nacional da sigla destacando ainda que é preciso separar as questões circunstanciais de fechamento de questões partidárias de quem votou contra o trabalhador com as reformas aprovadas pelo presidente Michel Temer.

“Se o partido quer e tem as condições efetivas para fazer uma boa campanha e ter vitória, é claro que vamos conversar, mas é preciso dialogar, saber como vamos dialogar aqui na Paraíba, saber como vai ser a relação com a chapa federal e Gleise Hoffmann prometeu que virá à Paraíba conversar com o governador Ricardo Coutinho”, disse recentemente Luiz Couto.

O petista paraibano defendeu o apoio da sigla à pré-candidatura de João Azevedo (PSB) ao governo do estado e ressaltou a necessidade do PT priorizar um espaço na chapa majoritária nas eleições de outubro.

Nenhum comentário