Header Ads

CMCG

'Xeque Mate': vereadores e prefeito têm prisões mantidas pelo TJPB


Em audiência de custódia realizada na tarde desta terça-feira (03), o Tribunal de Justiça decidiu não liberar nenhum dos presos detidos na Operação Xeque-Mate, pelo menos por enquanto.

O funcionário público Adeildo Bezerra Duarte, assessor especial de Leto Viana, foi o primeiro a prestar depoimento. Ele teve a prisão mantida e encaminhado para o presídio do Róger.
Em seguida o vereador Antônio Bezerra do Vale Filho (PRP) foi ouvido, mantido preso e encaminhado ao 5º BPM, por ser advogado, para onde foi conduzido também o professor de Geografia Gleuryston Vasconcelos Bezerra Filho.
A vereadora e vice-presidente da Câmara da Cidade, Jaqueline Monteiro França, teve a prisão mantida e foi encaminhada para 6ª Companhia da Polícia Militar, em Cabedelo, assim como a professora, Leila Maria Viana do Amaral.
O prefeito Leto Viana, também foi encaminhado para cumprir prisão preventiva no 5º Batalhão de Polícia Militar, no Valentina.
A operação xeque mate prendeu prefeito e primeira dama de Cabedelo além de cinco vereadores e quatro servidores públicos.

Nenhum comentário