Header Ads

CMCG

11 aves silvestres são apreendidas pela polícia ambiental



Um agricultor, de 44 anos, foi detido pela polícia  ambiental, na tarde de ontem, sábado (28), de posse de pelo menos 11 aves silvestres. O flagrante foi realizado no município de Esperança, no Agreste da Paraíba.

A polícia encontrou o homem em atitude suspeita, com várias gaiolas, em um trecho da BR 104 e quando pararam para fazer a abordagem, constataram que os animais estavam prestes a serem comercializados ilegalmente. 
As aves nativas são conhecidas como gangarras ou periquitos-da-caatinga.
O agricultor, que estava com a gaiola, não possuía autorização do órgão ambiental competente para manter em cativeiro ou transportar as aves. Ele foi conduzido até a Delegacia de Polícia Civil de Esperança, onde foram realizados o Termo Circunstanciado de Ocorrência e o Auto de Infração no valor de R$ 5,5 mil.
Já as aves apreendidas serão encaminhadas para o Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS), em João Pessoa.

Nenhum comentário