Header Ads

CMCG

Valorização do servidor: profissionais do magistério acumulam média de correção salarial superior a 120% na gestão de Romero

Com a compreensão de que a oferta de uma educação pública de qualidade é imprescindível para a construção de um futuro digno e de oportunidades para as crianças e adolescentes de Campina Grande, o prefeito Romero Rodrigues tem promovido uma série de ações que estão se transformando em um legado exitoso e diferenciado de sua gestão nesta área, com atenção especial para a valorização dos professores e de todas as categorias de servidores que acreditam e trabalham para a materialização do papel transformador da educação.

O principal exemplo do compromisso do gestor municipal com estes profissionais é a implantação do reajuste anual do piso nacional do magistério, uma vez que, desde 2013, primeiro ano de seu mandato, Romero tem concedido a correção nos percentuais fixados pelo Ministério da Educação (MEC), já tendo anunciado, inclusive, que na abertura do ano letivo, no dia 19, vai enviar à Câmara Municipal o projeto de lei para implantação da correção deste ano, que será de 6,81%, retroativo a janeiro.

Segundo observa a secretária de Educação do município, Iolanda Barbosa, considerando o acúmulo progressivo das correções do piso entre 2013 e 2018, além do percentual correspondente às cinco horas departamentais incorporadas às jornadas, e as progressões de níveis e por titulação, a média de correção salarial conquistada pelos profissionais do magistério durante a gestão de Romero é superior a 120%.  

“Tivemos casos em que a correção do piso em conjunto com o nível impactou em mais de 150% no salário do profissional de educação, o que representa o compromisso desta gestão de garantir e efetivar os direitos de nossos servidores. Além disso, também é importante destacar que todos os servidores que estavam com tempo suficiente para aposentadoria, mas não tinham os níveis incorporados, tiveram sua situação resolvida e conseguiram se aposentar”, pontuou.

Ainda falando sobre ações que vem beneficiando o quadro do magistério municipal desde 2013, a secretária ressaltou que, por determinação do prefeito Romero Rodrigues, a implantação dos níveis, paralisada desde a gestão anterior, foi garantida aos servidores.

“Já chegamos a um percentual superior a 60% de incorporação de níveis. Ainda não conquistamos a cobertura total devido às crises econômicas que temos enfrentado nas receitas da educação desde 2014, mas temos como meta chegarmos ao final desta gestão com 100% de cobertura no quadro do magistério”, explicou.

Além da garantia dos direitos salariais, a prefeitura também valoriza e investe em seus servidores através da política de formação continuada, com metodologias e temas planejados para cada grupo de profissionais.

Dessa forma, tanto os servidores que integram o quadro do magistério quanto aqueles que fazem parte do quadro de apoio, como merendeiras, auxiliares de serviços gerais, vigilantes e cuidadores de crianças especiais, são beneficiados com atividades direcionadas para atualização e aperfeiçoamento profissional, fundamentais para os bons resultados que, conforme demonstram avaliações externas e internas, o Sistema Municipal de Ensino vem conquistando nos últimos anos.

Nenhum comentário