Header Ads

Maranhão diz que não vai deixar a vida pública e admite pela 1ª vez que pode ser candidato a prefeito de João Pessoa em 2012

O governador José Maranhão (PMDB) declarou na tarde desta quinta-feira, (23), que não vai abandonar a vida política e declarou que só participa de eleições como candidato se for a cargo eletivo. “Em toda minha vida política, o único patrão que eu tive foi o povo e eu gostei de ser servidor do povo, empregado do povo”, disse.

Mesmo não descartando a possibilidade de disputar as eleições 2012 para prefeito de João Pessoa, o governador disse que irá participar de todas as eleições municipais como cidadão, eleitor, líder político e até como cabo eleitoral, mas desistir da vida política, jamais.

“Não digo que sim, nem digo que não, até porque o projeto das eleições municipais de 2012 é um projeto a longo prazo e por isso mesmo ainda é muito prematuro falar nas eleições de 2012”, frisou.

Maranhão lembrou que foi cassado em 1969 e passou 13 anos afastado ativamente da política, mas jamais deixou de participar das eleições na Paraíba. “Só sabe o que é uma cassação, quem passou por ela. Se naquela época eu não deixei de participar das eleições, imagina agora em pleno regime democrático”, ponderou.

“Não vou deixar a política. Se há uma atividade da qual sempre me orgulhei é a atividade política. Eu a exerci com honestidade, com escrúpulo e sempre respeitando a opinião publica. Por isso mesmo não tenho motivos para deixar a vida política”, finalizou.


Simone Duarte

Nenhum comentário